Pular para o conteúdo principal

Sonic Mania: conhecendo os bastidores desse Revival do Classic Sonic

Ontem na SDCC a Sega fez um em evento "upieeee" de comemoração dos 25 anos da franquia Sonic. Tirando o "buzzzzzz" da live, Crush 40 (cansei, mas Jun mandou bem no solo), a dupla de Djs mostrando como é o trampo de plugar um USB e saltar durante 1 hora e fazendo lances com os braços parecendo que está jogando Tazos (exagerei); e a Fanbase...


'Meu deus', parecia que estava vendo a page do Sonic no Facebook ao vivo lá: fazem um post nostálgico/humor e nos comentários uma enxurrada pedindo "Sonic Adventure 3". É claro que a Sega ouviu e deu pra eles um novo game:

Rapaz, vendo o trailer (que está nesse link) me deixou muito, mas muito animado. Mas, a fanbase gritou pedindo Adventure 3. Mas, foda-se, Sonic voltou no jeito que queríamos, uma jogabilidade decente e usando o barrigudinho/clássico.

Acredito que a Sega acertou, Sonic Mania serve pro publico mais velho e a massa (a mídia no geral ver e elogiar). Isso vai dar uma imagem positiva. Sonic Mega Drive e Generations nos mostrou que o Sonic Clássico precisa ser mais explorado ainda. E .. quem sabe pode trazer uns outros personagens das antigas ("-cof- Chaotix -cof - Alex Kidd") mas, vamos esperar o feedback.


Falando em Generations, também foi anunciado mais outro game!
Sonic Adventure? Hum? Huuuum??!!?

Não. Mais um Sonic no estilo Colours e Generations. Enfim... Só em 2017.

Mas voltando em Sonic Mania, o game não está sendo desenvolvido pela Sonic Team. Mas quem?
Foi isso que me deixou animado mais ainda,  um outra parcela da, não tóxica (isso vai dar merda no que falei) da comunidade Sonic. O povo que ajudou nas fãs games de Sonic no fórum Retro Sonic: Christian Whitehead, PagodaWest e Simon Thomley


Vamos conhecer o portfólio do pessoal que está por trás desse projeto.


PagodaWest

Vou começar a falar desse estúdio. Acho que ninguém sabe direito é formado por quem, mas, se falar em Sonic 2 HD muitos devem lembrar desse projeto que abalou quando lançou sua demo.
Em suma: PagodaWest é formado pela equipe por trás de Sonic 2 HD (e outros não) após a Sega boicotar o projeto. Aliás, foi o Taxman em seu Twitter foi que falou do envolvimento da PagodaWest em Sonic 2 HD. Por um lado, acho que a Sega foi 'Nice Guy' com eles no backstage. Por um outro, não vamos ter o Sonic 2 HD (tah só a demo)... Por um outro vamos ter Sonic Ma... Tah, tah, já sabemos.

Depois disso, a equipe fez um projeto chamado Major Magnet (joguinho de IOS e Android). Vendo o gameplay (sem tempo pra jogar) a proposta do game é boa, posso até estar enganado, mas acho as animações que vimos de Sonic em Sonic Mania pode ter sido feita por ela. Vamos para o próximo!




Stealth (Simon Thomley)

Fundador do estúdio HeadCannon em 2012, Simon contribuiu para comunidade Sonic (Sonic Scene) que desde de sites, fórum e Rom hacks de Sonic. Trabalhou em conjunto com Taxman em Sonic CD Remake e Sonic 1&2 Remake pra Smartphone. Também é responsável pela Engine própria chamada de HeadCannon Game Engine e ter contribuído em projetos famosos de Hack roms, um desses é o Sonic Megamix e Sonic Robo Blast 2 (fangame desenvolvido usando a engine de Doom).


Bom, esses são mais outros projetos que ele contribuiu. Rapaz, antes de ir pro próximo, já é um alivio saber que está em boas mãos Sonic Mania.



Taxman (Christian Whitehead)

 Taxman posso falar que foi graças ao projeto do Sonic CD Remake, a Sega viu o poder da comunidade Hack de Sonic.
Christian foi responsável pelo fan game Retro Sonic, que até saiu um port para Dreamcast. Logo após, saiu um projeto chamado Sonic XG (para alguns, é a continuação de Sonic 3, por Sir Euan and Nitemare) e Sonic Nexus feito por Slingerland (Brad Flick). Taxman se juntou a equipe de XG e Nexus; e fizeram Retro Sonic Nexus, mas não foi pra frente. Mas isso nos apresentou o poder de uma comunidade em fazer um fangame original e ser até melhor que os games de seu universo original (diga-se Sonic de Mega Drive). Podemos ver assim quando a Sega of America boicotou numa maneira boba Streets of Rage Remake da Bomber Games, a "caça as bruxas" ao excelente tributo que a Sega fez foi o 'bobo' da história.   
Depois desse 'boom' de fangames de games da Sega (quem sabe abordo isso brevemente) Taxman fez um projeto de Remake de Sonic CD usando sua engine própria chamado de Retro Engine (que pode estar sendo usada em conjunto com a HeadCannon Engine em Sonic Mania) só que a Sega soube da produção, ao invés de boicotar, eles compraram e cooperaram na produção chamando antigos produtores da versão original do Game. Destaque que a Retro Engine já foi usada também nos Remakes de Sonic1&2 pra os smartphones, projeto que Taxman participou ao lado de Simon Thomley. 


Trilha sonora: Tee Lopes




Não sabia que ele estaria envolvido de Sonic Mania, até ler os comentários do Youtube de uma das OST do game (a Sega lançou na rede três faixas de Sonic Mania: Tela de titulo, invincibility e Studiopolis Zone 1, todas elas lembram de Sonic CD e são nostálgicas). Fiquei mais animado, pois o trampo de Tee é excelente em remix  (Scrap Brain de Sonic de Master System, como exemplo)... Ainda mais em criação, ele ajudou a compor as musicas de Major Magnet (citado acima). Ele possui um canal no Youtube e posta remix de games antigos e trilha de projetos qye ele participou.  Cara, vamos esperar em 2017 que esse game vai agradar gregos e troianos. 
Mas usem a musica do protótipo de Sonic CD 510!! Essa trilha tem que ser usada em alguma fase, ou tela de seleção.
Reforçando aqui, Tee é portugues de Portugal ("orapois, gajo"). Ele até postou isso pra confirmar na page do Facebook dele. Tem mas pages 'espertinhas' falando que ele é Brasileiro HUE... Malz, não foi dessa vez.

Recomendação e Finalizando:

Finalizando esse post, quero recomendar um game que foi feito por um Brasileiro ("ae!") chamado LakeFeperd, que é o Sonic Before e After Sequel (link invertido). Sonic Mania esteticamente me recordou desse fangame. Ao lado esta o link das Gameplay de Sonic Before/After Sequel.  O foi game foi desenvolvido pela Engine Sonic Worlds.
O que espero que Sonic Mania dê uma boa impressão da Sega a imprensa ocidental e também explore mais games de suas outras franquias (espero mais um Alex Kidd e Streets of Rage Remake oficial). Bom, aqui no Brasil os estagiários estão sofrendo em achar fontes e estão cagando nas matérias:


E caso ainda tiver duvida, na San Diego Comic Con, a Sega disponibilizou duas fases jogáveis Green Hill Zone e Studiopolis Zone. A Gamespot lançou uma gameplay mostrando até o boss da fase. Ficar de olho aqui no Crônicas de Ozé? Não. A intenção é mostrar só que o projeto está em boas mãos e acho que lhe convenci, leitor. Se ainda não, toma:


Fontes: Sonic Retro.org (em grande parte) e perfis das redes sociais dos citados acima (lê que tem o link, phô).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

[VERTIGO/DC] [HQ] 'O evangelho de Coiote' - Homem Animal

Preparando três cônicas para o blog, tive que fazer uma postagem rápida (e das boas) porque me enrolei e, quase, voltei para o zero.


Homem Animal. Pensou quem é esse Herói?
Um AquaMan em versão animal? Quase. Assim como Aquaman: depende da equipe criativa (Novos 52 mostra isso).

Homem Animal (Animal Man) é um personagem criado nos anos 60/70, isso quer dizer: "mais um".  E assim como qualquer "mais um herói", porque poucos tiveram salvação em não ficar esquecido, Homem Animal não teve essa sorte.
Mas o herói despertou curiosidade em algumas crianças na época, um deles foi Grant Morrison.
Do que viu de tão incrível nele? Olha sua introdução o porquê: Parte 1/ Parte 2/ Parte 3


Por que esse post tem o titulo de 'O Evangelho de Coiote' e não 'Homem Animal'?
Rapaz, 'O Evangelho de Coiote' foi um marco (ainda mais) para carreira de Morrison na DC. Mostrou ainda mais o lado filosófico usando metalinguagem. Nessa história Morrison usa o personag…

[REVISÃO] MAX PAYNE 3

Isso é uma velharia que fiz no curso técnico de Jogos Digitais. Um trabalho de conclusão de um módulo. Olhei de relance no meu Google Drive e decidi postar sem alterações. Poderia ter postado na RDG, mas, acabei com o blog...

O que posso dizer (agora) sobre Max Payne 3  é que: Não foi um game memorável, mas é bom. Foi lançado e menos de um ano a Rockstar anuncia mais um video de GTA V - com Radio Ga Ga de Queen no trailer. O hype foi mais elevado, abafando Max Payne 3.
Max Payne 3 é um "protótipo" de gameplay de ação de GTA V  - é muito visível pra quem jogou. Até o Bullet-Time está presente no personagem Michael.

Bom, fica ai o texto feito em DEZEMBRO DE 2012 - que época de ensino médio e técnico boa!

------

MAX PAYNE 3

Parece que a Rockstar teve várias missões: Conseguir fazer um Max Payne sem a empresa Remedy Entertaniment, superar os dois jogos antecessores (Max Payne e Max Payne 2), conseguir fazer um roteiro sem o toque do criador da série, Sam Lake. E o mais díficil: fa…

RECOMENDAÇÃO NETFLIX: Documentários de Metal e Games

Durante esse final de semana, vi três documentários na plataforma Netflix. Então, vou recomendar dois: 'Metal: Uma Jornada pelo Mundo do Heavy Metal' e Global Metal, porque são sensacionais (e obrigatórios).
 E tem mais um que vi e me deixou decepcionado (em partes) e vai ser o 1° que vou falar... Então, acompanhe a seguir:

(1/3) - [2014] Video Game: The Movie

  Esse documentário é mais uma tentativa fracassada de juntar 'grande orçamento' + Video Game. Video Game não é algo tão complexo para falar, temos ótimos canais de Youtube que falam sobre isso.
 Enfim: é mais um documentário para gente que não é habitue tanto ao universo Gamer. Com a narração de Sean Astin (Senhor dos Anéis e Goonies) o documentário tenta mostrar com uma estética de linha temporal muito boa... Aparenta.
 De inicio eles começam a falar da fase Atari (que foi muito bem explicado) mas, quando vai mais para frente sempre deixa uma parte nebulosa (buracos) na evolução dos consoles, sempre puxando ao…